[Resenha] Mudança, Mo Yan 

 

Mais um livro concluído para o Desafio Literário Skoob 2016.

Originalmente eu havia escolhido O gigante enterrado como o livro para o mês de fevereiro, que tem como tema um livro de autor asiático. Mas acabei escolhendo outro pois o primeiro possui um lirismo tão singelo e encantador que não dá pra ler com prazo pra terminar.

Falemos de Mudanças…

Em 2009 Mo Yan foi convidado a escrever sobre as mudanças ocorridas na China nos últimos 30 anos. Sem saber como e o quê, começou a escrever sobre ele mesmo e num dado momento percebeu que era impossível desvencilhar-se daquele tema, que era tanto sobre ele quanto sobre seu país.

O livro de 128 páginas é uma colcha de retalhos, no bom sentido. As duas histórias se entrelaçam. Desde sua infância até a vida adulta, mudanças políticas e econômicas moldavam o destino da China e do autor, aproximando-o da carreira literária que ele tanto almejava.

Ler Mudanças é como se estivéssemos sentados numa cadeira de balanço, na varanda de casa, ouvindo o avô contar pequenos casos da sua longa vida, tudo que ele fez pra chegar até ali.

É um texto simples, singelo, sem grandes preocupações com estilística. Uma conversa casual entre amigos… Recomendo que leiam sem muitas expectativas, ideal para aqueles dias em que queremos ler algo leve, simples e satisfatório.

Post especial para o Desafio Literário Skoob 2016.

Para ler a sinopse visite a página do livro no Skoob.

Anúncios